- Publicidade -

Italiano: As cores (I colori)

Ciao a tutti! Vamos ver como são chamadas as cores em Italiano:

Ao lado de cada palavra ou frase em italiano há uma transcrição da pronúncia, com a sílaba tônica sublinhada. Lembre-se de que a transcriação é aproximada. Consulte o Guia de Pronúncia e O alfabeto Italiano e sua pronúncia para mais detalhes.

i/e verdhë (amarelo)
Giallo, gialli
(dgiállo, dgiálli)
Amarelo, amarelos
blu, bojëqielli (azul)
Azzurro, azzurri
(adrro, adrri)
Azul, azuis
i/e bardhë (branco)
Bianco, bianca
(biánco, biánca)
Branco, branca
e zezë / i zi (preto)
Nero, nera
(ro, ra)
Preto, preta
i/e hirtë, gri (cinza)
Grigio 
(gridjio)
Cinza
portokalli (laranja)
Arancione 
(arantchione)
Laranja
rozë (cor-de-rosa)
Rosa
(rosa)
Rosa
kafe, kaf (marrom)
Marrone 
(marrone)
Marrom
e kuqe / i kuq (vermelho)
Rosso, rossi
(sso, ssi)
Vermelho, vermelhos
i/e blertë, i/e gjelbër, jeshil(e) (verde)
Verde, verdi
(vérde, vérdi)
Verde, verdes

Frases úteis

Di che colore è?
(di que colore é?)
De que cor é?

Il cielo è celeste
(il tchiélo é tchléste)
O céu é celeste

Il libro è rosso
(il bro é sso)
O livro é vermelho

La porta non è verde
(la pórta no vérde)
A porta não é verde

L’inchiostro è nero
(linquióstro é ro)
A tinta é preta

Il Linguaggio e i Colori (As Linguagens e as Cores)

NERO (Negro; preto)

e zezë / i zi (preto)No geral, quando se analisa essa cor, descobrimos uma incrível identidade semântica entre as culturas, pelo menos em português e italiano. No entanto, os fatos históricos das culturas brasileira e italiana mostram um lado não isomorfo dessa cor, quando em italiano “nero” designa aspectos de clericalismo e fascismo.

Exemplos: governi di neri / sindicatos fascistas.

Para a expressão romanzo nero teríamos a tradução de romance de mortes e delitos, hoje em dia também usada a forma romance noir, em português nas quais a cor “preta” possui um significado fúnebre e sombrio. Nota-se a forte tendência negativa e a associação ao preconceito, em relação às cores de saturação zero, ou melhor, nenhum grau de diluição com o branco.

O preto é associado à escuridão, maldade e incerteza, e o branco é associado à presença da luz, à transparência, à bondade e à pureza. Branco e preto são considerados antônimos, assim como limpo e sujo. Em português e em italiano, preto refere-se tanto à ausência de luz quanto ao sujo, ao encardido.

O brasileiro tem uma forte tendência a usar indistintamente as unidades lexicais preto e negro em todos os contextos, como em as nuvens negras ou pretas anunciavam a tempestade ou em a criança estava com as mãos negras ou pretas. O termo negro já traz consigo toda uma conotação negativa, melancólica, sinistra, e alude também ao luto. Em italiano, o equivalente nero também pode trazer a noção de clandestinidade: lavoro nero/trabalho clandestino. Vejamos alguns exemplos:

Bestia nera (Asa-negra)

É algo ou alguém que incomoda, perturba uma pessoa.

Fame nera (Fome negra; fome de leão)

Fondi neri (Caixa-dois)

Quantia em dinheiro destinada ilegalmente a fins diferentes daqueles de uma empresa e que não constam do seu balanço interno.

Gatto nero (Gato preto)

Giacchetta nera (Árbitro)

É o juiz nos jogos de futebol (devido a cor preta do seu uniforme) que disciplina os jogadores e organiza a partida.

Giorno nero (Dia negro)

É aquele dia triste e negativo no qual nada dá certo ou ocorre normalmente.

Magia nera (Magia negra)

Mercato nero (Mercado negro)

É o comércio ilegal e clandestino de mercadorias mantido, principalmente, nos períodos de racionamento e quando a demanda de produtos não é satisfatória no país. A mercadoria é ilegal e o seu preço é bem superior àqueles oficiais.

Lista nera (Lista negra)

É aquela que possui os nomes das pessoas com as quais se pretende evitar um contato ou que são suspeitas, como na frase Antônia está na minha lista negra há muito tempo. Pode significar também a relação de pessoas, firmas comerciais etc. que são consideradas prejudiciais aos interesses de um país, de uma sociedade, de um partido, notadamente em tempo de guerra. Em português conota também o cadastro do Banco Central: ” Com os esforços conjuntos o Governador do Banco Central acredita na eliminação da “lista negra”, para o bem da economia nacional.”

BIANCO (Branco)

i/e bardhë (branco)O branco é a cor que reflete todas as luzes do espectro. Da mesma forma que nero, para alguns momentos históricos ou culturais italianos, não há registro de expressões em português com essa cor.

Ex.: zone bianche (que significa: regiões cujo eleitorado vota na democracia cristã), telefoni bianche (que foi uma expressão de linguagem utilizada pela crítica cinematográfica e pelos publicitários nos anos trinta, na Itália, para indicar um gênero de filme que valorizava somente ambientes luxuosos nas suas películas, ignorando os problemas sociais e políticos daquele período).

O branco já está repleto de referências positivas ou neutras, em italiano e português. Pode sugerir “bondade” e “paz”, além de ser usado também para sugerir “aparência doentia ou palidez por medo ou susto” de/em uma pessoa. Além disso, o branco, também pode ser usado como coloração clara em contraposição a uma escura, como por exemplo, para frutas, pães e carnes, já que essa cor é empregada para definir coisas que, não sendo brancas, têm uma cor mais clara do que as outras da mesma espécie.

Andare in bianco (Fracassar, gorar, frustrar)

Essa expressão cromática pode ser empregada em diversos contextos para significar que algum acontecimento, projeto ou alguma coisa não deu certo ou que foi malsucedida. Por exemplo, na frase: Sono le donne che fanno gli uomini andare in bianco… que significa: São as mulheres que fazem os homens fracassarem. Che bella scusa, vero? (Boa desculpa, hein!)

Arte Bianche (Arte de padeiro)

Arte de preparar alimentos, como ornamentar bolos e doces.

Bastone bianco (Bengala branca)

Bastão de madeira, usado por cegos para tatear o caminho, servido também como um apoio.

Cucitrice di/in bianco (Costureira de roupa íntima, cama, mesa e banho)

Mangiare riso in bianco (Comer arroz na manteiga ou azeite)

Mangiare in bianco é uma expressão italiana que pode ser empregada para outros tipos de comida além do arroz, como o macarrão, veja: mangiare pasta in bianco. In bianco, em culinária, significa a ausência de molho de tomate ou de qualquer outra espécie como tempero.

Mettere nero su bianco (Pôr o preto no branco)

Passare la notte in bianco (Passar a noite em claro)

É quando não se dorme a noite e a madrugada toda, por diferentes motivos ou razões.

Risultato in bianco (Zero a zero)

ROSSO (Vermelho)

e kuqe / i kuq (vermelho)O vermelho representa nas duas línguas o colorido da face, do viso de uma pessoa quando tomada por emoções como a vergonha, a raiva, o pudor, cujos sentimentos são assimilados à cor da pele do indivíduo provocados pelo afluxo do sangue. Além disso, essa cor possui uma conotação negativa quando relacionada a saldos bancários devedores ou como alerta para situações de perigo.

O português permuta a cor vermelha pela roxa quando as expressões italianas representam um vermelho forte e muito intenso, como em terra roxa/terra rossa e mancha roxa/macchia rossa. O roxo possui, em português, conotações de intensidade, excesso, ansiedade, desejo e interesses fortes.

Temos ainda a cor ruiva em português como variante da vermelha, em cabelos ruivos, por exemplo, que em italiano é capelli rossi ou para detectar a cor avermelhada da barba de certos homens, como barba rossa.

A análise de sintagmas ou expressões com rosso/vermelho demonstra que a língua italiana e a portuguesa possuem uma isomorfia cromática e morfológica acentuadas em certas expressões, apesar de o português não registrar formalmente algumas expressões ou sintagmas, ligados a acontecimentos e fatos históricos ocorridos na Itália, como Brigate rosse (Brigadas vermelhas), Sindacati rossi (Sindicatos vermelhos) Comune/giunta rossa (Prefeitura Vermelha), Cooperative rosse (Cooperativas vermelhas) entre outras que designam o comunismo e o socialismo.

O rosso italiano encontra-se ligado também ao nome de Giuseppe Garibaldi, em virtude da cor vermelha dos blusões e lenços utilizados por seus seguidores em lutas e movimentos políticos.

Bandiera rossa (Bandeira vermelha)

É a bandeira vermelha empregada em diversos momentos: a) como símbolo dos partidos socialistas e comunistas, b) para indicar uma situação de perigo no mar, c) para indicar que o barco violou alguma regra em esportes de navegação.

Camicie rosse (Camisas vermelhas)

Grupo de pessoas que seguia Giuseppe Garibaldi, assim chamado por causa da cor vermelha característica das camisas que usava como uniforme.

Fanghi rossi (Lama vermelha)

São as escórias (resíduos silicosos a partir da fusão de metais) insolúveis tóxicas derivadas da produção de alumínio. São assim chamadas por causa da sua coloração avermelhada pela presença de óxido de ferro.

Luna rossa (Lua vermelha)

Aquela que adquire um aspecto avermelhado durante o eclipse total.

Occhio rosso (Olho vermelho)

É quando os nossos olhos estão com conjuntivite e ficam vermelhos e inchados.

Papa rosso (Papa vermelho)

É o Prfeito do Vaticano encarregado da organização e assistência a todas as áreas de missão, atualmente representado por Ivan Dias, na Itália.

Razza rossa (Raça vermelha)

Designação dada ao índio, por causa da cor avermelhada característica da sua pela.

Regioni rosse (Regiões vermelhas)

São aquelas influenciadas politicamente pelos partidos comunistas ou socialistas.

VERDE (Verde)

i/e blertë, i/e gjelbër, jeshil(e) (verde)Nos sinais de trânsito, indica permissão, passagem livre e, por extensão, legalidade como em dare il segnale verde/ dar o sinal verde a uma pessoa em uma determionada situação. As duas línguas registram, ainda, de modo análogo as preocupações ecológicas e ambientais como em: Il Partito verde/ O Pardido verde, bem como em quaisquer outras expressões que não estejam registradas em obras lexicográficas, mas que são criadas pelos seus falantes nesse sentido.

O verde, tanto em italiano quanto em português, indica um colorido pálido no semblante de uma pessoa em relação a um estado particular de excitação emotiva: o medo excessivo. E assim temos: essere verde di paura/estar verde de susto, de medo. A língua italiana registra a inveja e a raiva com a cor verde (também a cor amarela (giallo) para a inveja, a raiva e o medo), ao passo que o português conota tais sentimentos mais frequentemente com a cor vermelha: essere verde dalla rabbia/estar vermelho de raiva.

Para a língua italiana, o verde adquire um tom negativo nas expressões: balletti verdi (festas orgiásticas ou encontros eróticos de adultos com jovenzinhas (os) ou homossexuais), sesso verde (sexo praticado por menores de idade), far vedere i sorci verdi (provocar medo). Em português, temos a cor verde representando o demônio em capa-verde. Para Arcaini e Zingarelli, o sorriso forçado, confrateiro, expresso em português pela cor amarela: como em sorriso, riso amarelo, em italiano consagra-se também na cor verde: ridere verde, além da amarela ridere giallo.

Anni verdi verdi (Anos verdes)

Refere-se aos primeiros anos de existência, à juventude de uma pessoa. Em italiano temos Essere nel verde degli anni o qual podemos traduzir em português como “Estar na flor da idade”.

Benzina verde (Gasolina verde)

Aquela feita sem aditivos à base de chumbo, considerada ecológica.

Carta verde (Seguro automobilístico)

Documento italiano de cor verde que comprova o seguro do carro por danos a terceiros, obrigatório também para a circulação do automóvel no exterior.

Croce verde (Cruz verde)

Instituto humanitário voluntário de socorro e emergência a doentes, feridos, em tempos de paz, de caráter popular. São institutos autônomos que surgiram por analogia com A cruz Vermelha.

Fiamme verdi (Guardas-florestais)

GIALLO (Amarelo)

i/e verdhë (amarelo)Uma das grandes diferenças entre o português e o italiano para a cor amarela é que esse último ocorre principalmente com o referimento a fatos policiais, tais como libro giallo (romance policial), un giallorosa (filme ou romance policial sentimentalista). Além disso, o italiano emprega o amarelo para:

1. Distinguir categorias profissionais como fiamme gialle (polícia encarregada de vigiar os Alpes, os portos, os aeroportos, e a costa);

2. na identificação de times de futebol: gialloblù (relativo ao time de futebol de Verona), giallorosso (relativo ao time de futebol de Roma ou Catanzaro);

3. na caracterização de problemas cujos protagonistas são os povos asiáticos: pericolo giallo (perigo para os povos de raça branca representado pelas potências China e Japão), auto gialla (automóvel fabricado na Ásia, Japão e Coreia).

O italiano registra a imprensa sensacionalista com a cor amarela: stampa gialla e o portugês a formaliza com a cor marrom: imprensa marrom. Vejamos alguns exemplos:

Bandiera gialla (Bandeira amarela)

É aquela içada em navios como sinal de doença contagiosa a bordo, indicando quarentena, ou seja, isolamento do mesmo.

Essere raro come i cani gialli. (Ser raro como uma mosca branca)

Essa expressão faz alusão à existência de poucos exemplares desses animais; sendo empregada em situações nas quais se quer enfatizar, justamente, algo insólito, ou difícil de encontrar.

Sindicato Giallo (Sindicato Amarelo)

Os Sindicati gialli ou Sindicatos Amarelos são aqueles constituídos no século XIX na França e na Alemanha, contrários à greve, em oposição aos Sindicatos Vermelhos socialistas. Por extensão, são aqueles financiados ou promovidos pelos patrões com o objetivo de defender os seus próprios interesses e não o dos trabalhadores. Em português, são chamados também de Sindicatos Pelegos.

Il giallo della rosa (O pólen da rosa)

Farina gialla (Farinha de milho)

AZZURRO, BLU (Azul)

blu, bojëqielli (azul)A língua italiana usa ora a cor azzurra, ora a cor blu em suas expressões. Analisando uma tabela de cores, a cor azzurra corresponde, em português, ao azul primário e a cor blu a um azul mais escuro como o azul-marinho, por exemplo.

A língua italiana conota o frio, ou seja, a coloração que adquire a pele com temperaturas baixas, com a cor azul: ha le labra blu per il freddo. Já a língua portuguesa, se utiliza, comumente, a nuança roxo. Tem os lábios roxos/arroxeados de frio.

A língua portuguesa associa ainda azul com o estado de embriaguez que uma pessoa pode adquirir. É interessante notar que a cavhaça é chamada também de azuladinha ou azulzinha. Em italiano, o azul pode designar também uma pessoa muito atrapalhada, muito assustada, com medo, como na expressão: fifa blu que pode figurar na forma verbal prendersi una fifa blu que significa grande susto e morrer e susto respectivamente.

Arma Azzurra (Aeronáutica militar italiana)

Blue movie (Filme pornográfico)

Basco blu (Agente de polícia)

Aquele que se especializou em manter a ordem pública.

Camice Azzurre (Nacionalistas italianos)

Membros de uma organização militar dos nacionalistas italianos depois da Primeira Guerra Mundial.

Errore Blu (Erro grave)

Os professores do Liceu, na Itália, marcavam com lápis azul os erros gravíssimos, ou seja, aqueles que, sozinhos, tornavam a prova insuficiente, conhecidos como Errori blu. No Brasil, geralmente, os professores usam uma caneta de cor vermelha para assinalar esses erros, mas não é uma regra.

Principe azzurro (Príncipe encantado)

Sci azzurro (Esqui aquático/náutico)

Esporte no qual o praticante se firma em um ou sois esquis e é rebocado sobre as águas por uma lancha em alta velocidade.

Zona blu (Área de trânsito limitado)

Corresponde à parte do centro histórico de cidades italianas no qual o trânsito de veículos é limitado.

BRUNO, MARRONE, CASTAGNO (Marrom, castanho)

kafe, kaf (marrom)Em italiano, a cor bruno corresponde, geralmente, ao vocábulo “escuro” em português. Um dos correspondentes de bruno em português é “moreno”. Mas pode ser também pardo, em alguns casos como: alghe brune/algas pardas, orso bruno/urso-pardo. O castagno e marrone italianos equivalem ao castanho e marrom portugueses respectivamente.

Enquanto o italiano cristaliza noções de morte, de dor profunda por meio da cor bruno, como em: vestito bruno e velo bruno/roupa escura e véu escuro, o português se utiliza, para tal, expressões com a palavra “luto” significado esse também representado pelas cores preto e marrom em algumas expressões.

Para as pessoas que possuem cabelos, olhos e pele escura o adjetivo utilizado em italiano é bruno enquanto em português, é mais comum o uso de moreno: una ragazza bruna/uma moça morena, le brune e le bionde/as morenas e as loiras.

Angeli bruni (Anjos maus)

São os demônios, os diabos.

Camicie brune (Socialistas)

Adarentes ao Partido Nacional Socialista Alemão devido à cor da camiseta marrom do uniforme.

Far bruno (Anoitecer, escurecer)
Mettere il bruno (Colocar luto)

Pane bruno (Pão preto)

ROSA (Rosa/Cor-de-rosa)

rozë (cor-de-rosa)Em algumas construções sintagmáticas, a língua italiana utiliza-se do vocábulo rosa para conotar a sensibilidade feminina bem como o seu romantismo excessivo na literatura, ao passo que a língua portuguesa registra com a construção água com açúcar: romanzo rosa/romance água-com-açúcar. Em italiano temos ainda telefono rosa e legge rosa simbolizando movimentos de proteção e defesa à mulher e a cor rosa conotando, portanto, o sexo feminino.

Algumas expressões são particulares da língua italiana, pois, demonsttram características culturais do país, como maglia rosa (camiseta do campeão do circuito ciclístico que se dá na Itália ou na França), balletto rosa (são encontros eróticos ou festas orgíacas entre homossexuais). A autorização e licença para dirigir um automóvel ou chamada às armas militares são transmitidas pela cor rosa em italiano: foglio rosa e cartolina rosa respectivamente. E ainda temos:

Acqua rosa (Água de rosas)

É uma solução aquosa diluída de solução alcóolica de essência de rosas. Em italiano, há ainda a expressão: All’acqua di rose, ou seja, algum empreendimento ou uma situação sem compromisso, ineficiente, sem objetivos.

Miele rosato , rosa (Mel-rosado)

Produto farmacêutico preparado com mel e pétalas de rosas secas. Também conhecido como rodomel.

Pasqua rosata, delle rose (Pentecostes)

Refere-se à festa católica celebrada 50 dias após a Páscoa, na qual se comemora descida do Espírito Santo sobre os apóstolos.

Stampa rosa (Imprensa água com açúcar.)

É aquela destinada aos romances, às revistas sentimentais voltadas ao público feminino.

GRIGIO (Cinza)

i/e hirtë, gri (cinza)Existe uma equivalência relativamente grande entre as cores grigio, em italiano, e a cinza, em português, esta última valendo-se de suas variantes cinzento e a acinzentado. Além disso, nas duas línguas, existem ainda as nuanças cenere, cinereo em italiano e cinéreo, grisalho e gris em português. Por possuírem identidade semânticas e etimológicas, tratamos essas cores como corresponentes tradutórias indiferentemente, dada a cristalização linguística ocorrida nos universos culturais dos dois países.

Vejamos algumas ocorrências.

Cielo grigio (Céu nebuloso)

Anima grigia (Alma cinzenta)

Atleta grigio (Atleta da terceia idade)

Materia, sostanza grigia (Massa cinzenta)

Corresponde ao encéfalo, ou seja, a parte do sistema nervoso central contida na cavidade do crânio, e que abrange o cérebro, o cerebelo, pendúnculos, a protuberância e o bulbo raquiano. No sentido figurado, em português, quer dizer a inteligência, o cérebro de alguém: Marcelo tem muita massa cinzenta, no italiano denota juízo, prudência: non avere materia grigia, ou seja, não ter juízo.

Pantere grigie (Empresários)

São os empresários (managers) que quanto mais avançam na idade mais importância e respeito adquirem perante a sociedade.

Autoria: www.soitaliano.com.br

- Publicidade -

Artigos recomendados