- Publicidade -

Modi di dire: Expressões Idiomáticas em Italiano

modi di dire italiani

As expressões idiomáticas estão tão presentes na língua que uma pessoa, quando as emprega, não se dá conta de que acabou de usá-las em sua fala. De fato, elas são utilizadas a todo o instante: no linguajar diário, no noticiário de televisão, em anúncios e propagandas jornalísticas, como também no rádio e na TV, na literatura, em letras de música, em filmes, em discursos políticos, em campanhas eleitorais, enfim, em todos os lugares.

Em se tratando de línguas estrangeiras, é muito importante a compreensão exata da expressão idiomática para que o seu uso seja empregado de forma adequada, ou seja, um aprendiz ou “curioso” em línguas estrangeiras deve preocupar-se com o significado conotativo da expressão e não com o sentido literal, ou seja, palavra por palavra.

Vejamos, a seguir, alguns exemplos de expressões idiomáticas em italiano.

Expressões com nomes de alimentos

A tutta birra
A toda velocidade. Significa correr, andar em alta velocidade, principalmente quando se refere a veículos motorizados, em frases do tipo: Vado a tutta birra da te – Vou a toda velocidade na tua casa.

Caminare sulle uova
Pisar em ovos. Significa ter muito cuidado ou ser muito cuidadoso.

Cercare il pelo nell’uovo
Procurar pelo em ovo. Significa procurar dificuldades, ou seja, querer encontrar algo ou motivos em determinadas situações para complicar ou piorar o estado delas.

Essere pieno come un uovo
Estar cheio/empanturrado. Usado quando uma pessoa come em exagero em qualquer refeição e não aguenta ou suporta colocar mais nada na boca.

Facile come bere un uovo
Fácil como tirar doce de criança. Usa-se também na variante Isso é mais fácil do que tirar do da mão de criança. Expressão empregada quado se deve fazer ou realizar algo que é fácil, daí a comparação.

Dire pane al pane, vino al vino
Dar nome aos bois. Expressão usada para desvendar nomes que estavam sendo ocultados ou escondidos, geralmente por se tratar de pessoas que protagonizam acontecimentos desabonadores.

Essere alla frutta
Estar acabado. Usada quando alguém está muito cansado ou exausto, em uma situaçção terminal por algum motivo ou acontecimento. Alude ao fato de que em um almoço italiano, quando se chega à fruta, chega-se ao final da refeição.

Trovare la minestra bella e pronta
Receber tudo de mão beijada. Literalmente, a expressão italiana significa encontrar a sopa pronta na mesa.

Essere (un) finocchio
Ser (um) gay. Geralmente, usa-se essa expressão com o propósito de ofender alguém ou de provocá-lo negativamente. A expressão nasceu da relação que a palavra finocchio possuía na idade média, ou seja, uma pessoa que não valia nada, desprezível, pouco confiável, traidor. No sentido maus restrito da expressão: ser um homem desprezível.

(Non) essere farina del proprio sacco
(Não) ser farinha do mesmo saco

Empregada quando alguém ou algo não provém da mesma origem, não tendo nada em comum, quando negativa. Ao contrário, quando usada positivamente significa que duas pessoas possuem a mesma origem, por isso se assemelham tanto. Nesse último caso, em italiano se diz também: Essere di un pelo e di una buccia (traduzindo ao pé da letra Ser de um pelo e de uma casca).

Esta frase tem o propósito de desmascarar pessoas que fingem ser aquilo que não são, tendo se originado a partir de uma metáfora que compara os homens aos trigos e seus derivados: “A farinha de boa qualidade é posta em sacos separados para não ser confundida com a de qualidade inferior.

Quando indivíduos falsos se arrogam em críticos severos de outros de quem podem ser na verdade cúmplices, sócios ou amigos, surge esta frase para dar conta de que não há diferença entre eles. Originalmente apareceu em latim: ‘Homines sunt ejusdem farinae‘ (são homens da mesma farinha).

Non essere pane per i miei denti
Não ser coisa para meu bico. Expressão que se usa para se dizer que algo ou alguém não é para o encanto, prazer ou posso de outro alguém. Interessante notar que o italiano cristaliza a expressão com as imagens “pão” e “dente”, enquanto que no português se utiliza de “coisa” e “bico”.

Expressões com nomes ou partes de animal

Essere il capro espiatorio
Ser o bode espiatório. Expressão que indica quando sobre alguém incidem as culpas alheias ou que lhe são atribuídas todas as culpas de algo que, muitas vezes, ela nem cometeu ou nem sabe do que se trata.

Povero Marco, per ogni cosa incolpano lui, è proprio il capro espiatorio dei quell’ufficio!

Essere il gallo della Checca, del pollaio
Ser o rei da cocada preta. Expressão que indica quando alguém se sobressai num grupo de pessoas, tirando vantagens sobre elas para si mesmo.

Avere un occhio alla gatta e uno alla pentola
Ter um olho no gato e outro no peixe. Estar “ligado”, prestando atenção a tudo e a todos ao mesmo tempo.

Tarpare le ali
Cortar as asas. Significa impedir alguém de fazer algo que deseja, limitando sua liberdade, isto é, censurar, restringir. Alude ao fato de que os voláteis são impedidos de voar, justamente, por terem as extremidades de suas asas aparadas.

Can che abbaia non morde
Cão que ladra não morde. Essa expressão é usada quando alguém diz fazer isso ou aquilo, demonstra ser corajoso, mas na verdade não faz nada daquilo que diz.

Andare a letto con le galline
Dormir (deitar) com as galinhas. Deitar-se cedo, logo ao anoitecer, antes do horário costumeiro.

Cantare da gallo
Cantar de galo. Impor a sua própria vontade e opinião a alguém.

Andare/Montare in bestia
Virar uma fera. Significa enfurecer-se a ponto de preder a razão.

Essere magro come una aggiuca
Ser magro como um palito. Usa-se essa expressão quando se quer dizer que uma pessoa é muito magra ou no sentido figurado, chamá-la de magricela, bacalhau. É interessante que o italiano usa a imagem da anchova ou enchova, ou seja, da acciuga, para descrever a magreza de alguém, enquanto o português utiliza-se da analogia com um palito.

Essere sotto l’ala di qualcuno
Estar debaixo das asas de alguém. Utiliza-se esta expressão para dizer que alguém tem a proteção de outro alguém.

Gatta ci cova!
Aí há dente de coelho. Expressão que se traduz em português também por: Aí tem coisa!, ou seja, quando uma situação não está bem explicada, quando parece haver algo de suspeito e escondido na trama.

Smuovere/stuzzicare un formicaio
Mexer num vespeiro. Provocar uma situação desagradável, desconfortante. Veja que o italiano registra a expressão com formicaio, ou seja, formigueiro; já o português, o vespeiro.

Ingoiare il rospo
Engolir o sapo. Ser obrigado a suportar alguma coisa ou alguém muito desagradável ou algo humilhante, uma vez que não se pode agir de outra forma, não há escapatória.

Prendere due piccioni con una fava
Matar dois coelhos com uma cajadada. Expressão que significa obter dois resultados com um trabalho ou esforço só, de uma vez só.

Smuovere, stuzzicare un formicaio
Mexer num vespeiro. Provocar uma situação desagradável, desconfortante. Veja que o italiano registra a expressão com formicaio, ou seja, formigueiro, já o português o vespeiro.

Tarpare le ali
Cortar as asas. Significa impedir alguém de fazer algo que deseja, limitando sua liberdade, isto é, censurar, restringir. Alude ao fato de que os voláteis são impedidos de voar, justamente, por terem as extremidades de suas asas aparadas.

Vivere come cane e gatto
Viver como cão e gato. Expressão usada quando duas pessoas brigam e discutem o tempo todo, vivendo em intermináveis e incontáveis conflitos. Há a variante Essere com il diavolo e l’acquasanta, literalmente: Ser o diabo e a água benta.

Expressões com frutas

Cascare come le pere
Cair de maduro, cair com facilidade, cair como mamão maduro. Significa também apaixonar-se de uma hora para outra, facilmennte. Em italiano a expressão é, literalmente, “cair como as peras”, ao passo que em português, a fruta utilizada é o mamão.

Esser di mela cotta
Ser fracote. Indica quando alguém não tem forças para nada. O italiano usa a imagem “maçã cozida” para indicar, justamente, a fragilidade da expressão.

Esser il cocco di mamma
Ser o xodó da mamãe. Ser o querido, o preferido, o xodó de alguém.

Farsi una pera
Picar-se. Expressão que indica quando uma pessoa injeta droga em seu próprio corpo. Alude-se ao formato de uma pera que pode aparecer no corpo da pessoa após a aplicação da droga.

Expressões com cores

Essere al verde
Estar sem dinheiro.

Mi dispiace, non ho soldi da prestarti, sono al verde anch’io.

Expressões com partes do corpo humano

Acqua in boca!
Psiu! Significa o pedido imperativo de silêncio, também nas formas: Silêncio! Calado!

In bocca al lupo!
Desejar boa sorte a quem será submetido a uma prova difícil. A pessoa que recebe os votos deve responder: “Crepi il lupo”, ou seja, Obrigada! Alude ao fato de se vencer o lobo. Crepare, nesse caso, significa matar, morrer.

Fai buon viaggio e in bocca al lupo per il colloquio di lavoro!

Avere, far venire l’acquoline in bocca
Dar, ficar com água na boca. É quando alguém está com uma vontade muito grande de comer algum alimento. L’acquolina é a salivação, a água na boca.

Avere le braccia legate
Estar de mãos atadas. É quando alguém está impossibilitado de fazer alguma coisa.

Avere i piedi per terra
Ter os pés no chão. Significa ser realista, racional e objetivo. Em português, é muito empregada também na versão com os pés no chão, em frases como É preciso viver com os pés no chão.

Avere la pelle d’oca. / Far venire la pelle d’oca
Ter arrepios

Battere le calcagna
Dar no pé

Essere amici per la pelle
Ser unha e carne

Fare un lavoro coi piedi
Fazer um trabalho nas coxas

Grattarsi la pancia
Coçar o saco

Restare/rimanere a bocca asciuta
Ficar a ver navios. Expressão empregada quando se quer demonstrar desilusão por algo que não se obtém /alcança ou quando alguém é excluído de alguma coisa, gerando desapontamento. É usada também na variante Ficar chupando o dedo.

Leccarsi le dita
Lamber os dedos.

Non avere peli sulla lingua
Não ter papas na língua. Expressão que significa falar sem reservas, com franqueza, doa a quem doer.

Per un pelo
Por um fio

Outras expressões:

Avere la pazienza di Giobbe
Ter paciência de Jó

Dare scacco matto
Dar xeque-mate

Essere su un binario morto
Estar num beco sem saída. Binário em italiano, significa trilho (do trem) e plataforma (da estação ferroviária). Como em português, pode significar também o adjetivo binário, ou seja, que tem duas unidades ou dois elementos.

Fare il bucato in famiglia
Lavar a roupa suja em casa. Em italiano há a variante lavare i panni sporchi in famiglia. Expressão usada quando se quer aconselhar alguém a manter e resolver em família as desavenças e os problemas íntimos, sem expô-los aos outros.

Fare l’avvocato del diavolo.
Fazer o advogado do diabo. Empregada quando uma pessoa faz todas as objeções e coloca todos os impedimentos possíveis em uma discussão, evitando que se tenha êxito positivo no final da mesma.

Non far né caldo né freddo
Nem cheirar nem feder

Soffiare sul fuoco
Jogar lenha na fogueira. Promover, estimular a discórdia, o desentendimento. Diz-se também: Atiçar fogo, em português, e em italiano: Dare fuoco alle polveri (Colocar fogo na pólvora), Versare benzina sul fuoco (Derramar gasolina no fogo).

Alla romana
Modo de dividir uma despesa em partes iguais entre todos os participantes, sem levar em conta quanto cada um consumiu. Sono 20 euro a testa, per tutti e nove, paghiamo alla romana.

Bastian contrario
Quem pensa ou age de modo contrário ao da maioria.
Su dai, adeguati ai nostri orari, non fare sempre il bastian contrario!

È un altro paio di maniche
Significa “É outra história”, “São outros quinhentos”. Falamos sobre esta expressão aqui
Se ci sono i saldi del 50% la compero, è un altro paio di maniche!

Fare scuola
Criar uma moda

Passare il Rubicone
Tomar uma decisão importante e irrevogável. Semelhante ao “il dado è tratto” (palavras de Julio Cesar quando se tornou o dominador absoluto de Roma).

Piantare in asso
Abandonar alguém sem aviso prévio.

Mi ha piantato in asso senza dire una parola, non si è presentata all’appuntamento e non ha nemmeno chiamato!

Promettere marei e monti
Fazer grandes promessas.

E non promettere mari e monti
Não fazer promessas que não se pode manter.

Salvare capra e cavoli
Preservar, com uma decisão ou uma ação, os interesses de dois indivíduos diversos.

Devi decidere, non puoi cercare di accontentare tutti e salvare capra e cavoli.

Segreto di Pulcinella
Um segredo que não é mais segredo para ninguém.

Che ti trasferirai all’estero oramai lo sanno tutti, è diventato un segreto di Pulcinella!

- Publicidade -

Artigos recomendados