- Publicidade -

Uso dos Adjetivos no Esperanto

A palavra usada para dar característica ou qualidade é uma ideia é o adjetivo. Ela tem este nome, porque, em geral é colocada junto ao nome substantivo para indicar sua característica ou qualidade:

Flor BONITA. (BONITA é qualidade ou característica da flor.)
Dia BONITO. (BONITO é qualidade ou característica do dia.)

Em Esperanto, o adjetivo é representado pela letra A no final das palavras. A função dessa letra e atribuir uma qualidade ou característica às ideias. Basta achar a letra A no final das palavras para identificar facilmente todas as qualidades ou características:

Brazilo estas GRANDA lando. (O Brasil é um GRANDE país.)

Esperanto estas lingvo SIMPLA. (O Esperanto é uma língua SIMPLES.)

Tiu lernanto estas tre INTELIGENTA. (Aquele aluno é muito INTELIGENTE.)

Como no Esperanto não existe gênero, a mesma letra pode ser aplicada às palavras que são, em português, masculinas ou femininas:

Flor BONITA = BELA floro.
Dia BONITO = BELA tago.

Se basta para o adjetivo estar ao lado do nome (substantivo) para expressar sua qualidade ou característica, é possível escrever as expressões acima – ou quaisquer outras -de duas maneiras diferentes com o mesmo significado:

BELA Floro = Floro BELA = Flor BONITA
BELA Tago = Tago BELA = Dia BONITO

Da mesma forma que os nomes (substantivos), basta adicionar uma simples letra no final de todos os adjetivos (a letra J) para colocá-las no plural. Como acompanham os nomes, tantos os substantivos quantos adjetivos devem aparecer no plural:

BELA Floro = Flor BONITA
BELAJ Floroj = Flores BONITAS

BELA Tago  = Dia BONITO
BELAJ Tagoj = Dias BONITOS

Com os adjetivos, podemos fazer comparações, usando as palavras PLI (mai) e MALPLI (menos) antes do adjetivo. A ideia que será comparada recebe a palavra OL (do que) antes dela.

Ĉi tiu estas PLI bona OL tiu. (Este livro é MELHOR DO QUE aquele.)

Petro estas PLI alta OL Paŭlo. (Pedro é MAIS alto DO QUE Paulo.)

Paŭlo estas MALPLI alta OL Petro. (Paulo é MENOS alto DO QUE Pedro.)

Podemos também expressar o grau mais alto ou o grau mais baixo, o superlativo, usando as palavras PLEJ (mais) e MALPLEJ (menos) antes do adjetivo. A ideia que indica este grau recebe a palavra EL (de, dentre) antes dela:

Maria estas PLEJ inteligenta EL ĉiuj. (Maria é A MAIS inteligente DE todos.)

Roberto estas MALPLEJ alta EL la knaboj. (Roberto é O MAIS baixo DOS meninos.)

Em português, quando se comparam duas palavras não se usa, por exemplo, “mais bom”, “mais mal”, “mais grande” ou “mais pequeno”, da mesma forma que “mais inteligente”, “mais alto” etc. Diferentemente do Esperanto, que admite a palavra PLI (ou MALPLI) para todos os adjetivos:

PLI bona = melhor

PLI malbona = pior

PLI granda = maior

PLI malgranda = menor

- Publicidade -

Artigos recomendados