O sistema de numeração dinamarquesa baseia-se no sistema de numeração vigesimal, isto é, um sistema que usa o número 20 como base. Talvez você já o conheça a partir do francês, onde o mesmo sistema é utilizado.

Os números de 0 a 10

0 nul 6 seks
1 en/et 7 syv
2 to 8 otte
3 tre 9 ni
4 fire 10 ti
5 fem

Cuidado com en e et em números compostos: Se 1 é o primeiro dígito, usa-se en. Et, no entanto, sempre aparece quando o último dígito é 1.

En plus to er tre. 1+2=3
en, to, tre… 1,2, 3…
enogfyrre quarenta e um
Klokken er et É uma hora
linie et Linha 1
side enogtyve Página 21
side to hundrede og et Página 201

Os números de 11 a 20

Os números 11 e 12 em dinamarquês são irregulares. De 13 a 19, os números sempre terminam em -ten.

elleve 11
tolv 12
tretten 13
fjorten 14
femten 15
seksten 16
sytten 17
atten 18
nitten 19
tyve 20

Os números de 30 a 100

O sistema numérico dinamarquês baseia-se no sistema vigesimal, portanto, utiliza como base o número 20 (tyve).

60 (tres) forma abreviada para tre sinds tyve, isso quer dizer 3 x 20 (= 60)
80 (firs) forma abreviada para fir sinds tyve, isso quer dizer 4 x 20 (= 80)

Os números, que não são multiplicados por 20, subtrai-se:

50 (halvtreds) 3 x 20 menos a ½ de 20 (60-10) (= 50)
70 (halvfjerds) 4 x 20 menos a ½ de 20 (80-10) (= 70)

Halv significa “meio, metade” e quer dizer a metade de 20, que é subtraída.

Os números de 30 a 90

tredive 30
fyrre 40
halvtreds 50
tres 60
halvfjerds 70
firs 80
halvfems 90