Substantivos

Os substantivos são palavras variáveis – possuem gênero masculino ou feminino – que nomeiam os seres, pessoas, objetos, ações, lugares, sentimentos e estados. Além do gênero, podem variar de acordo com o número ou o grau. Classificam-se em:

Próprios: Pablo, Perú
Comuns: perro (cachorro), taz (xícara)
Concretos: puerta (porta), Juan
Abstratos: amistad (amizade), belleza (beleza)
Simples: ojo (olho), zapato (sapato)
Composto: pararrayos (pára-raios), económico-social (econômico-social)
Primitivos e Derivados: tinta (tinta) e tintero (tinteiro)
Coletivos: rebaño (rebanho), muchedumbre (multidão)

Gênero dos Substantivos

No que diz respeito às pessoas e aos animais, o gênero dos substantivos pode ser masculino ou feminino, sendo relacionado ao sexo (gênero natural).

São masculinos aqueles terminados em AJE e em AMBRE.

¡La playa de Copacabana tiene un paisaje espléndido!
(A praia de Copacabana tem uma paisagem esplêndido)

Gabriel llevaba los dos rollos del alambre que pediste.
(Gabriel levaba os dois rolos do arame que pediste)

São masculinos as cores, os dias da semana, os meses e os números:

El verde de tus ojos me encanta.
(O verde dos teus olhos me encanta)

Todos los martes tengo clases de inglés.
(Todas as terças-feiras tenho aula de inglês)

El enero fue un mes de mucha nieve en España.
(Janeiro foi um mês de muita neve na Espanha)

São femininos aqueles terminados em UMBRE.

Las costumbres de los japoneses son raras.
Os costumes dos japoneses são esquisitos.

Exceção: el alumbre (a iluminação)

São femininos os nomes das letras: la, a, la be, etc.

Substantivos Heterogenéricos

Ao tratarmos de conceitos e dese inanimados, o gênero passa a ser determinado de forma arbitrária (gênero gramatical). Devido à origem comum do vocabulário, o gênero dos substantivos espanhóis costuma ser o mesmo que em português, mas isso não ocorre sempre.

Nestes casos, chamamos estes substantivos heterogenéricos, pois possuem um gênero em espanhol e outro em português.

LA

la barajao baralho
la costumbreo costume
la cumbreo cume
la sonrisao sorriso
la risao riso
la narizo nariz
la salo sal
la lecheo leite
la sangreo sangue
la laboro trabalho
la perchao cabide
la cozo coice
la cremao creme
la paradojao paradoxo
la legumbreo legume

EL

el pétanoa pétala
el crátera cratera
el maratóna maratona
el humoa fumaça
el estantea estante
el equipoa equipe
el pantalóna calça
el viajea viagem
el paisajea paisagem
el análisisa análise
el dolora dor
el origena origem
el colora cor
el puentea ponte

Substantivos homônimos

São palavras com a mesma grafia quem, ao mudarem de gênero, mudam também de significado.

el cólera (doença)la cólera (raiva)
el guarda (cobrador de ônibus)la guarda (tutela)
el policia (agente)la policía (adminitração)
el mañana (futuro)la mañana (parte do dia)

¡Ojo!

Alguns nomes tem uma só forma designar o masculino e o feminino, determinando o gênero pelo artigo que se emprega.

el/la periodista (jornalista)
el/la turista (turista)
el/la cantante (cantor/a)
el/la atleta (atleta)

Grau dos substantivos

Os substantivos podem sofrer flexão de grau, dando a ideia de aumento (grau aumentativo) ou de diminuição (grau diminutivo).

Para o grau aumentativo, o sufixo mais frequente é on/ona.

tabla (tábua)tablón (tabuão)
mujer (mulher)mujerona (mulherona)

Também são usados os seguintes: azo/aza, ote/ota, acho/acha, achón/achona.

amigoamigote (amigão)
ricoricachón (ricaço)

Pra o grau diminutivo, o sufixo mais frequente no espanhol geral é ito/ita.

Utilizam-se também: illo/illa, ico/ica, ín/ína, uco/uca, uelo/uela. A escolha de um ou outro não afeta a conotação que acrescentam às palavras, isto é, as formas costumam expressar a mesma ideia: librito, librico, librillo.

¡Atencíon!

Nas palavras terminadas em n e r e nas palavras de duas sílabas terminadas em e, o sufixo aparece procedido por um c (cito/cita).

rinconcito (cantinho), pastorcito (pastorzinho), pobrecito (pobrezinho)

Nos monossílabos e nas palavras de duas sílabas que apresentam ditongo tônico, o sufixo aparece precedido por ec (ecito/ecita).

florecita (florzinha), viejecita (velhinha).