Ciclone, tornado, furacão e tufão são diferentes tipos de movimentos giratórios de ar e causam fortes estragos por onde passam graças aos seus fortes ventos.

Furacão

A palavra “furacão” vem do espanhol huracán, que por sua vez veio do taino, língua indígena antilhana. De huracán saíram também o inglês hurricane, o francês ouragan e o italiano uragano.

De acordo com a mitologia Maia (povo que habitava a América Central antes da chegada dos conquistadores espanhóis, no final do século XV), Huracan era o deus responsável pelas tempestades.

Tufão

Ele vem do Grego Typhon, um mitológico gigante de vento, provavelmente derivado detyphein, “fumegar”. Mas há outras interpretações possíveis, como o Cantonês tai-fung, “grande vento”. Seja como for, o nome se aplica ao vento catastrófico do Oceano Pacífico; o cargo no Atlântico já está tomado por furacão.

Ciclone

Não podemos deixar de citar ciclone. É uma palavra moderna que foi feita a partir do Grego kyklon, “o que se move ao redor, que gira”, dekyklos, “círculo”.

Essa foi inventada por um oficial inglês em 1749 para descrever uma tempestade tremenda que se desencadeou numa região da Índia; os gregos não tinham nada disso.

Tornado

Agora chegou a vez de tornado. Muitos dizem que veio do Espanhol tornar, “virar”, mas parece que na verdade o que há em sua fonte é tronar, “trovoar”, do Latim tronare, de igual sentido.

Note-se que esta é uma palavra onomatopaica, isto é, que imita um som; no caso, o trooom do trovão está muito bem expresso.

Diferença entre ciclone, tornado, furacão e tufão

Ciclone: todo vento violento – tornado, tufão ou furacão – é um ciclone. Aparece quando uma grande área de baixa pressão atmosférica aparece na superfície. Aí o ar se movimenta rápido para lá, gerando ventos convergentes.

Tornado: Dura menos de uma hora, tem menos de 2 km de diâmetro e surge a partir de nuvens do tipo cumulus. Seus ventos têm entre 100 km/h e 480 km/h.

Furacão: tem diâmetro de centenas de quilômetros e se forma sobre o oceano tropical. Dura vários dias e perde força ao chegar a terra. É um ciclone tropical severo com ventos de mais de 115 km/h. Ocorre no Hemisfério Ocidental, no Oceano Atlântico e centro-leste do Pacífico Norte.

Tufão: é o nome dos furacões do oeste do Pacífico Norte.

Observação: quando um tornado se forma sobre o oceano, recebe o nome de tromba d’água.