Do L. Grammatica, do Grego Grammatike Tekhne, “arte das letras”, de Gramma, “letra”, relacionada a Graphein, “riscar, sulcar, escrever”.

Gramática (do grego: γραμματική, transl. grammatiké, feminino substantivado de grammatikós) é o conjunto de regras individuais usadas para um determinado uso de uma língua, não somente da norma culta, mas também de variantes não padrão. É ramo da Linguística que tem por objetivo estudar a forma, a composição e todas as questões adicionais de uma determinada Língua.

Tendo passado pelo Latim, depois para o francês e do francês para o inglês (Grammar está presente no inglês desde o século 14). Grammata em Grego significava letras (do alfabeto). Para uma época em que a maioria era analfabeta e a misteriosa arte de escrever era uma área de conhecimento exclusiva dos poucos escolarizados, a palavra assumiu um sentido de coisa incompreensível, até mesmo relacionada à magia negra.

Numa expressão simples, porém extremamente elegante e geral, “Gramática”, como alguém já disse, “é a arte de colocar as palavras certas nos lugares certos”.