O termo em inglês quer dizer “caloteiro”, quando uma pessoa não é digna de confiança. No passado, era usado para acusar uma mulher de ser bruxa (voar pela noite de vassoura).

A partir do século XIX, a expressão começou a ser usada para designar qualquer pessoa financeiramente irresponsável, caloteira, ou qualquer negócio que não seja digno de confiança.

Exemplo: It’s a real fly-by-night company.
(É uma empresa bem caloteira.)