La Banda (A Banda)

37

La Banda è una versione in italiano della canzone “A Banda” di Chico Buarque.

“A Banda” é uma canção de 1966 composta e interpretada pelo músico brasileiro Chico Buarque. Foi lançada no primeiro álbum do cantor, Chico Buarque de Hollanda.

Chico compôs a canção quando retornou da Europa, onde excursionara com a peça de teatro Morte e vida severina. A canção foi inscrita no II Festival de Música Popular Brasileira no lugar de “Morena dos olhos d’água”, música apresentada para Gilberto Gil e uma das várias criadas na mesma ocasião. Inicialmente, era com essa canção que Chico pretendia participar do festival da Record.

Após a sua vitória no Festival, a música fez um grande sucesso, vendendo 55 mil cópias em apenas quatro dias.

La Banda (A Banda)

Una tristezza così
Non la sentivo da mai
Ma poi la banda passò
E allora tutto cambiò
Tutta la gente cantava
Per scordare il dolor
Quando la banda passò
Cantando cose d’amor

E una ragazza che era triste
Sorrise all’amor
Ed una rosa che era chiusa
Di colpo sbocciò
Ed una frotta di bambini festosi
Si mise a suonare
Come fa la banda
E un uomo serio il suo cappello
Per aria lanciò
Fermò una donna che passava e poi la baciò
Dalle finestre quanta gente spuntò
Quando la banda passò
Cantando cose d’amor

E tanta gente dai portoni
Cantando sbucò
E tanta gente in ogni vicolo si riversò
E per la strada quella povera gente
Marciava felice
Dietro la sua banda
Un uomo solo che piangeva
Sorrise perché
Sembrava proprio che la banda
Suonasse per lui
In ogni cuore la speranza spuntò
Quando la banda passò
Cantando cose d’amor

Ma una tristezza infinita
E’ scesa ancora su me
Quando la banda è svanita
Tutto torna com’è
Ognuno col suo dolore
Chiuso dentro di sé
Quando la banda è passata
Tutto torna com’è

- Publicidade -

Você vai gostar também

Não perca nossas novidades!

Assine nossa newsletter e receba novidades e dicas grátis em seu email.

Muito bem! Confirme seu email e você receberá dicas em primeira-mão! :)