De onde surgiu a Língua Italiana

307

Apesar da importância política e econômica de outras línguas, o número de pessoas que estudam italiano cresce continuamente também em Países que não conheceram a imigração italiana. A motivação mais comum é o enriquecimento cultural, seguido das exigências de estudo, de trabalho, para turismo ou por razões afetivas.

O italiano é uma língua de cultura, é a língua de Dante, do bom canto, da lírica. É a língua de grandes artistas, pintores, poetas, escritores, filósofos.

No Brasil, país onde há o maior número de descendentes italianos, os motivos para aprender italiano não faltam. Além das oportunidades de passear por Roma, Veneza e Milão, as necessidades profissionais da empresas típicas italianas resgatam o idioma de origem.

Latim

A língua italiana possui forte influência do latim clássico. No império romano existiam dois tipos de latim: o clássico, falado pelos romanos mais influentes ou pelos moradores da área original de Roma e o chamado vulgar, falado pelos soldados e pelos povos dominados pelos romanos.

Antes tarde do que nunca

O italiano é uma língua românica, ou seja, deriva da evolução do latim vulgar, tal como o francês, o espanhol e o português. Como os soldados tinham mais contato com os colonos dos territórios ocupados, o latim vulgar se tornou a mais falada em toda a extensão Império Romano.

A unificação da Itália foi tardia. A região vivia em guerra por invasões locais, o que afetou diretamente o surgimento da língua italiana.

Dante Aligheri

Os textos mais antigos que se conservam em italiano (os anteriores se consideram latim vulgar) são fórmulas legais da Região de Benevento que datam dos anos 960-963 da era cristiana.

O italiano se formalizou no século XIV com as obras de Dante Alighieri, que misturou os dialetos Siciliano, do sul da Itália, com seu dialeto da Toscana, para escrever poemas épicos que se conheceram como Comédia. Mais tarde, Boccaccio os chamaria Divina Comédia.

As obras de Dante foram lidas em toda a Itália e o dialeto foi considerado um padrão que todos podiam reconhecer. Ainda hoje esse autor é reconhecido por normalizar a língua italiana.

No século XVI, alguns intelectuais italianos se juntaram para mudar a situação de guerra. Eles escolheram o mais bonito dos dialetos locais e o batizaram de italiano. Esse dialeto era a  linguagem pessoal do grande poeta florentino Dante Alighieri, autor do livro “Divina Comédia”, de 1321.

Outros mares

O italiano é uma língua que pertence às famílias indo-europeias, falado na península italiana, sul da Suíça, San Marino, Sicília, Córsega, Sardenha, na costa norte do Mar Adriático, além do Norte e América do Sul.

A língua italiana ou italiano é o idioma de mais de 70 milhões de pessoas, onde a maioria vive na Itália. Aqui no Brasil, cerca de 30 milhões de brasileiros, possuem descendência italiana.

- Publicidade -

Você vai gostar também

Não perca nossas novidades!

Assine nossa newsletter e receba novidades e dicas grátis em seu email.

Muito bem! Confirme seu email e você receberá dicas em primeira-mão! :)